Gestão de resultados em SEO, como analisar?

Você, que é dono ou gerente de e-commerce, chegou ao lugar certo!

A nave da liveSEO lançou mais um webinar repleto de informações relacionadas ao universo do SEO e e-commerce. E eu, Letícia, uma das tripulantes, estou aqui para te adiantar um pouco dessa conversa, que teve como tema: Gestão de resultados em SEO!

A apresentação foi conduzida pelo especialista em SEO, Lucas Maranho, em parceria com a Ablec. Ficou curioso? Continue a leitura e se liga no vídeo que está disponível logo abaixo!

Tópicos abordados durante o webinar:

  • Identificação do cenário atual SEO;
  • Metodologia de Fayol no SEO;
  • Ferramentas essenciais;
  • Organização de recursos para o projeto;
  • Ações e estratégias a serem tomadas;
  • A evolução de um projeto SEO.

Antes de iniciarmos, é importante que você compreenda que, embora tenhamos topicalizado o assunto, todos esses fatores estão completamente conectados e são fundamentais para que possamos atingir bons resultados com o SEO.

Vamos lá!

Identificação do cenário atual SEO

Ao chegar ao webinar, você vai se deparar com duas associações bem interessantes: SEO no país das Maravilhas e SEO como Cristóvão Colombo.

Mas que história é essa?

Essas referências nada mais são do que formas de identificar a situação atual do SEO para muitos e-commerces que não sabem como proceder com o serviço.

O primeiro, no país das Maravilhas, refere-se aqueles que não sabem exatamente qual é o caminho correto para seguir. É como se tudo fosse válido: tráfego orgânico, pago, social, e-mail marketing.

Podemos dizer que não há um foco delimitado e, justamente por isso, é muito comum que ocorram as famosas – e negativas – técnicas de Black Hat. (Inclusive, se quiser saber mais, temos um post completo sobre Black Hat x White Hat).

O SEO como Cristóvão Colombo se mostra ainda mais perdido e sem rumo. É como caminhar no escuro e, de repente, encontrar uma luz.

Ok, você provavelmente está se perguntando o que deve fazer. Para começar a sanar parte das suas dúvidas, vale a pena entendermos as reações do Google diante disso tudo.

Vejamos:

O que o Google diz?

Guarde estes termos: otimização técnica, de conteúdo e popularidade (ou autoridade);

Como ele funciona?

O buscador segue, basicamente, três passos principais: rastreio, indexação e rankeamento

Como nós, agências de SEO e e-commerce, devemos trabalhar?

gerenciando os resultados de SEO precisamos entender o que o google diz como funciona e como devemos trabalhar

É fundamental levarmos em conta 3 pilares do SEO: o SEO on page, que está relacionado ao que existe em uma página e pode ser alterado; SEO off page, que diz respeito à autoridade e ao rankeamento; e a UX, que lida com a experiência de usuário como ele se comporta, como reage de acordo com os resultados que o Google oferece e o usuário clica.

Metodologia de Fayol no SEO

É muito provável que você já conheça Henry Fayol, pai da administração, ou tenha ouvido falar sobre a sua metodologia do PODC.

No decorrer do webinar, especialmente nesse tópico, o enfatizamos bastante, pois ele está inteiramente ligado à organização. E nós sabemos que esse é um dos aspectos primordiais para qualquer e-commerce.

Se ficou perdido no espaço, não tem problema, vamos te explicar o que isso significa.

O que quer dizer o método PODC?

  • P – prever/planejar: todo gestor deve fazer uma previsão da situação do projeto e criar um planejamento.
  • O – organizar: o gestor também é responsável por organizar os recursos materiais e sociais dentro de uma empresa e/ou no projeto.
  • D – dirigir/executar: ele precisa dirigir e orientar os recursos de determinado projeto.
  • C – controlar: por fim, é essencial estar atento aos parâmetros e resultados do projeto.

Para concluir a metodologia e deixá-la mais clara, cabe dizer que: tais materiais se referem aos recursos humanos, tecnológicos e financeiros, porque lidam com pessoas, informação, conhecimento, espaço, tempo, dinheiro e estrutura.

Planejamento inteligente em gestao de SEO em um ecommerce

As ferramentas necessárias para a gestão dos resultados

Podemos classificar as ferramentas em duas partes. As que são utilizadas para otimização técnica e de conteúdo e as que são usadas para fazer a análise dos resultados.

  • Para as melhorias técnicas e de conteúdo: temos o Screaming Froog, Sem Rush e WebSite Auditor.
  • Para a avaliação dos resultados: elencamos o Google Analytics, Google Search Console e DataStudio;

Vamos a um exemplo de análise para que você possa compreender com mais facilidade (lembrando que, no webinar, serão apresentadas imagens com dados bem explicativos):

1. O primeiro passo se dá com a análise do canal orgânico

É aqui, com a ajuda do analytics, que percebemos se o resultado está ou não acontecendo. Nesse momento, conseguimos verificar a taxa de rejeição, o comportamento dos usuários, a quantidade de usuário novos, as sessões, a receita e a taxa de conversão.

2. Páginas de destinos

É através desse segundo ponto que visualizamos quais páginas apresentam maior taxa de rejeição.

Não podemos nos esquecer que a performance e velocidade de uma página influenciam e muito nessa análise. 

3. Páginas de saídas

Nas páginas de saída devemos olhar se há links internos, se o carregamento está lento, se o texto está legível;

4. Fluxo de comportamento

Por meio do fluxo de comportamento detectamos as páginas que precisam de otimização e observamos a porcentagem de desistência dos usuários;

5.  Mantenha os concorrentes no radar

Em relação a esse último passo, a sugestão é: tenha benchmarking e não seja um Cristóvão colombo!

Agora, para finalizar, deixamos aqui uma frase de inspiração…

“Administrar significa olhar à frente”,Henry Fayol.  

Esperamos que curta o webinar, astronauta. Até a próxima!

2 comentários em “Gestão de resultados em SEO, como analisar?”

  1. Poxa, realmente um conteúdo bem legal sobre SEO, vou implementar, só queria saber se existe alguma ferramenta gratuita para melhorias técnicas de resultados?

    Responder
    • Olá Rodrigo!

      Existem ferramentas gratuitas, recomendei algumas durante o próprio webinar, porém, sugiro que siga a base apresentada, o próprio Analytics para entender aspectos baseados em resultados.
      Para ações técnicas pode caminhar para Screaming frog ou Sitebulb.

      Abraços e obrigado pelo comentário!

      Responder

Deixe um comentário