O que é o Rankbrain e como ele influencia na busca do Google

Neste post você aprenderá com a liveSEO o que é o Rankbrain e como ele ajudou a aprimorar as respostas nas buscas do Google. Eu sou o Vinicius Conceição, Engenheiro Técnico de SEO aqui da live e vou te conduzir nessa experiência sobre o que é o RankBrain.

Sabemos que o buscador Google é o mais utilizado do Brasil e com enorme percentual no mercado mundial, mas qual o por quê desta supremacia? Qual mágica ele fez para estar no topo na maioria do globo?

Basicamente a resposta é simples, eles entregam a melhor resposta em geral, para seus usuários, ou seja, priorizam a experiência do usuário – o que todas empresas deveriam fazer!

Rankbrain é um componente do algoritmo do Google, que usa Machine Learning para mostrar ao usuário, os resultados mais relevantes segundo a busca que ele fez. 

O que isso significa? Significa que o buscador está cada vez mais aumentando sua assertividade, pois está conseguindo considerar vários elementos do usuário, como localização, personalização das palavras e contexto dos assuntos tratados, melhorando assim, constantemente seu modelo de interpretação.

definicao do rankbrain o que e e como funiona no seo

Como Funciona o RankBrain?

O que diferencia este algoritmo dos outros, é seu aprendizado constante, ou seja, para otimizar a interpretação das buscas, o Google tem um banco de dados que vai se aprimorando conforme os próprios usuários vão efetuando novas buscas.

Vamos exemplificar para deixar bem claro! Se um usuário pesquisa: “localização  copa do mundo? “ . O que será que este usuário quer saber? O local de uma copa que já passou? Onde será a próxima copa? 

Quando o buscador da Google se depara com este tipo de “desafio”, ele considera a localização , para entender se ele está no local da próxima copa, será que ele está na cidade onde ocorrerá o próximo jogo? Será que ele quer informações gerais de como é escolhida a localização dos maiores eventos esportivos do mundo? 

Com este simples exemplo, conseguimos entender que realmente precisamos dominar a Inteligência Artificial, pois uma pergunta “simples” pode ser mais complexa do que pensamos! Por isso a Google investe “pesadamente” em sua melhoria contínua e machine learning “impecável”.

Dentro deste contexto, o se o buscador tivesse um algoritmo simplista, ele simplesmente iria mostrar o site oficial da última copa do mundo, pois muito provavelmente terá a maior quantidade de backlinks, e assim mostraria o site oficial. Já no contexto do Rankbrain, temos um banco de dados sobre a quantidade de buscas que foram “satisfeitas” com estes termos e quais elementos ele poderá considerar para realmente mostrar o resultado mais assertivo possível.

O que o Rankbrain efetivamente muda para o SEO?

Você sabia que o Google recebe bilhões de buscas ao dia?!?! E algo ainda mais impressionante: 15% destas buscas são sentenças novas para o mecanismo de busca, ou seja, nunca haviam sido solicitadas ou pesquisadas antes.

15 por cento das buscas sao novas todos os dias no google

Então devemos entender que com o Rankbrain, começamos a tratar o LSI, ou seja, o contexto do seu conteúdo agora é tratado a sério, e devemos aprender que keywords isoladas não fazem sentido , nem para o usuário, e agora muito menos para o Google.

Basicamente, o que devemos fazer é ser cada vez mais humanos, pensar como responder adequadamente e praticamente seu usuário, claramente, com conteúdo de qualidade e UX perfeita. Assim, teremos o contexto semântico claro, além de navegabilidade e a resposta à intenção do usuáiro 🙂

À partir de 2015, rankbrain é pesquisado pelo Google e vem sendo aprimorado, segundo fontes confiáveis (SEO Roundtables) ele está entre os três maiores fatores de rankeamento. Não é motivo para surtar, mas o que devemos pensar seriamente, é se o que queremos mostrar aos nossos usuários está satisfazendo, ou respondendo suas perguntas e anseios.

Novamente o buscador Google prioriza a intenção do usuário, ou seja, conheça muito bem seu buyer persona  e faça conteúdo de qualidade e relevante para eles, claro, SEO técnico nunca é demais, inclusive se você procurar em nosso blog, localizará vários posts para aumentar suas habilidades em SEO técnico  😉

Como o RankBrain está ajudando a refinar as buscas?

Segundo os dados acima, 15% das buscas nunca foram efetuadas, portanto são um grande número de consultas nunca feitas por qualquer humano.

Entre elas, podem estar consultas complexas com várias palavras, também chamadas consultas de cauda longa. O RankBrain foi desenvolvido para ajudar a interpretar melhor essas consultas e traduzi-las efetivamente, de alguma maneira, nas suas variadas fontes, para encontrar as melhores páginas para o usuário.

Como a Google disse, ele pode analisar padrões entre pesquisas complexas aparentemente desconectadas, para entender como elas são realmente semelhantes entre si. Esse machine learning, por sua vez, permite entender melhor futuras pesquisas complexas e se elas estão relacionadas a tópicos específicos. E o mais “louco” é que o Google  pode associar esses grupos de pesquisas aos resultados que acha que os pesquisadores mais vão aproveitar!

O Google não forneceu exemplos de grupos de pesquisas nem forneceu detalhes sobre como o RankBrain adivinha quais são as melhores páginas, mas o último é provavelmente porque, se conseguir traduzir uma pesquisa ambígua em algo mais específico, poderá trazer melhores resultados.

Final / moral da História

Resumindo, o buscador da Google está cada vez mais otimizando sua tecnologia, para que as máquinas dominem o mundo. Brincadeira!! rsrs. É claro que precisamos entender que toda a Inteligência Artificial e mão de obra especializada que a Google têm, serve nada mais nada menos, para entregar uma experiência do usuário, espetacular!,

Para isso, além de todos os elementos técnicos do SEO on page, devemos entregar um conteúdo com grande representatividade no campo semântico (gramaticalmente mesmo!), além de uma ótima apresentação para o usuário final, que irá acessar o seu site. Isso já implica em ótima velocidade, navegação fluida e mostrar para o usuário exatamente o que você “vendeu” para ele na SERP.

Obrigado por estar conosco e aumentar seu nível de conhecimento 😉 se precisar de uma mãozinha no SEO, pode nos contactar, saudações vulcânicas, até a próxima!

2 comentários em “O que é o Rankbrain e como ele influencia na busca do Google”

Deixe um comentário